Suicídio do piloto é uma das hipóteses para desaparecimento de avião da Malásia

Sumiço de avião
Publicado em 17/03/14 - 21-59-55
Suicídio do piloto é uma das hipóteses para desaparecimento de avião da Malásia
Investigadores não descartam a possibilidade de suicídio do piloto seguido de assassinato em massa, sequestro e sabotagem no desaparecimento do voo MH370 da Malaysia Airlines no dia 8 e verificam o histórico de todos os 227 passageiros e dos 12 tripulantes, assim como dos funcionários em terra, para verificar se vínculos com terroristas, problemas pessoais ou questões psicológicas poderiam explicar um dos maiores mistérios da aviação recente.

Nesta segunda-feira, a busca pela aeronave se expandiu para os hemisférios norte e sul, com a Austrália vasculhando o sul do Oceano Índico e a China oferecendo 21 satélites para responder ao pedido feito pela Malásia de ajuda na caçada sem precedentes.

Autoridades malais afirmam que o Boeing 777 foi intencionalmente desviado de sua rota durante um voo de madrugada entre Kuala Lumpur, na Malásia, para Pequim, na China, e viajou durante várias horas fora do curso. A principal suspeita recaiu sobre os pilotos, embora as autoridades afirmem que todos no voo são suspeitos.

A polícia da Malásia confiscou um simulador de voo da casa do piloto no sábado e também visitou a casa do copiloto, no que o chefe da polícia da Malásia, Khalid Abu Bakar, inicialmente descreveu como as primeiras visitas policiais a essas residências. Mas o governo — que ficou sob críticas do exterior sobre os erros e a demora em divulgar informações — emitiu uma declaração nesta segunda-feira contradizendo esse relato ao dizer que a polícia primeiramente visitou as casas dos pilotos no dia 9, um dia depois do desaparecimento.

IG


COMENTE COM E-MAIL REGISTRADO OU COM SUA CONTA NO FACEBOOK













Copyright © Rede News Bahia 2011 - 2014
Reprodução e criação de conteúdo informativo
Todos os direitos reservados